domingo, 25 de junho de 2017

sem nuncas e para sempre

ela é uma aventureira,
desde pequena já sabia
que não haveria porto que a fizesse ficar
por mais bonito e cativante
sua alma jamais abandonaria sua vontade de desbravar o mundo
seu corpo jamais repousaria em uma única cama
e seus anseios, assim que cessados, se renovariam infindavelmente

ela não acredita no nunca
também não acredita no para sempre
sabe que foi feita para amar e que no coração cabe muita história,
há muito oceano para navegar e na maioria das vezes ela nem precisa de bússolas

ela se observa mudar
de dentro pra fora
de fora pra dentro
todos os dias
e se admira, cada vez mais, com as coisas simples da vida
gosta do vai e vem da multidão, das cores da cidade
contempla as estrelas no céu, como a criança que já foi um dia

ela acredita que as interrogações são mais poderosas que os ponto finais
e que grande parte das respostas são encontradas no caos

ela não conseguiria ouvir a mesma música todos os dias,
não suportaria ter que dizer a mesma frase pronta,
pras mesmas pessoas, 
sempre

ela não pertence apenas ao aqui, não se limita somente ao agora
tem no peito uma força que não se doma,
nos pés tem raízes
e nas mãos o mundo todo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Follow by Email